Durante 3 dias, temas como os tumores cerebrais, disrafismos espinhais, hidrocefalia, craniossinostoses complexas, epilepsia e espasticidade foram discutidos por vários palestrantes convidados. Houve uma mesa redonda especial sobre um assunto relevante “traumatismos na infância não acidentais”

Destacamos a presença de membros da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia Pediátrica (SBNPed) que puderam contribuir para o excelente programa científico elaborado pela comissão científica, com aulas e discussões.